Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Santiago do Chile - Parte 4

7º DIA 17/10/14 (Sexta) - Bom dia pessoal. Hoje foi dia de acordar cedo fechar as contas no hotel, pegar o metrô e até a estação da rodoviária e rumo à Valparaiso e Vinã Del Mar!!! - cidades litorânias. Foram umas 2 horas de ônibus - pela Tur Bus, super tranquilo....







chegamos, pegamos um táxi na rodoviária e rumo ao hotel Ibis de lá....rs, fica bem em frente ao Porto. Deixamos a mala e fomos conhecer a cidade. Como estava perto da hora do almoço, aproveitamos e almoçamos. Fomos um em frente ao porto. Chama Restaurant Bote Salva Vidas, ele tem um formato de um navio. Comemos côngrio, uma delícia!!!






Depois fomos andar pelo centro, subimos o morro com a funicular e descemos andando, apreciando a paisagem. Ah, lá as ruas são na maioria desenhadas, cada desenho lindo uma verdadeira obra de arte!








8º DIA 18/10/14 (Sábado) - Hoje pegamos um metrô que anda pela orla e vai até a cidade vizinha...Viña Del Mar (conhecida como a "Cidade Jardim"). Logo que saímos da estação, fomos ao fomoso Relógio de Flores, ele fica próximo à Playa Caleta Abarca, bem no final da Av. España. 




 
Depois descemos no começo da orla (conhecendo o Oceano Pacífico) e fomos andando pela praia para conhecer - Playa Caleta Abarca. Apesar de ser primavera, tinha horas que caia algumas gotas de chuva. 



  
Tentei colocar meus pés nessa água hiper gelada! Nossa foram alguns segundos, mas não aguentei...rs...gelada!!




Visitamos o Wulff Castle - foi construído por um comerciante alemão, Gustavo Wulff, no ano de 1906, com traços influenciados pelo estilo francês e alemão. A torre foi acrescentada em 1920 e o local serviu de residência para seu criador até sua morte, quando passou para o domínio de sua esposa, que reformou o castelo para então vendê-lo ao município de Viña del Mar. Atualmente é utilizado como sala de exibição para mostras de arte.




andando mais, vem a Playa Miramar, atravessamos a Ponte Casino e fomos almoçar no restaurante perto do Casino Municipal Viña Del Mar, chama Mercado Del Mar.



andando pelas ruas......



Agora com a barriga cheia rs...continuamos a caminhada. Fomos ao Parque Quinta Vergara uma grande área verde na região da cidade, que possui grandes jardins e atrações como o Museo Nacional de Bellas Artes, no Palácio Vergara (tirado do site: "A história que envolve a Quinta Vergara é muito particular. Em tempos coloniais se encontrava nesse lugar a fazenda Sete Irmãs, que era propriedade da família Carrera. Já em 1840, o rico comerciante português Francisco Alvarez, comprou a fazenda e instalou nela a sua residência. A mulher deste exitoso comerciante, Dolores Pérez, era uma admiradora das plantas exóticas e foi assim que começou a cultivá-las no seu próprio jardim. Ao pouco tempo Dolores morre e seu filho Salvador recebe toda a fortuna familiar. Como marinheiro, ele utiliza o dinheiro para viajar por terras orientais e por Austrália, lugar de onde ele as mais originais espécies que hoje podem ser achadas no parque. O tempo passou e a neta de Salvador, Mercedes Alvarez, única herdeira de toda Viña Del Mar, se casou com o jovem engenheiro José Francisco Vergara, quem fundou a cidade em 1874. Quando o Senhor Vergara morre, suas propriedades são divididas entre seus dois filhos, Salvador e Branca. Esta ultima ficou com a Quinta. O terremoto de 1906 arrasou o casarão dos Alvarez-Pérez e foi ali quando Blanca Vergara mandou o arquiteto Hector Petri construir uma residência nova que e atualmente conhecida como o Palácio Vergara, obra finalizada em 1910."), e um grande anfiteatro utilizado com capacidade para 16 mil pessoas utilizado para grandes eventos, como o Festival da Canção de Viña del Mar.



Na volta passamos pelo Museu Fonck (Museo Fonck), que fica a cerca de 1,5km do parque. Este museu abriga uma interessante coleção de objetos arqueológicos de povos antigos que habitaram todas as regiões do Chile. O destaque fica para a exposição da cultura rapanui, com objetos trazidos da Ilha de Páscoa, incluindo um exemplar do grande moai, um dos poucos localizados fora da ilha e que está exposto na parte externa do museu. No andar superior do  há uma coleção de animais empalhados encontramos no país. 


se despedindo dessa cidade encantadora, calma, diferente....




Ah, adivinha quem apareceu na janela quando fomos se despedir do dia em Valaparaiso?! Eles, os Leões Marinhos! Lá tem até um passeio que faz para visita-los, tirar foto bem de perto, mas nós conseguimos vê-los!!!!



0 comentários:

By Iâni Naíra